Desafio DIY - fevereiro

15:01 @Tiabetok 20 Comentários


Oi xu's
            Vocês conhecem o DESAFIO DIY? É um projeto proposto pela Bianca do Two bee que a cada ano tem dado mais certo. Em 2015, a cada mês temos três desafios, relacionado a um tema complexo, um tema e uma inspiração e as vezes um desafio surpresa. Para fevereiro os escolhidos foram: 1- Hora de imprimir e revelar fotos; 2- Reformar, repaginar móveis e 3 - Inspire-se no seu livro favorito. O desafio surpresa do mês foi fazer sua própria fantasia de carnaval.

              Quem segue a pag do blog no facebook, viu que postei "meu porta mochila" só que como eu estava só e cheia de cola as fotos ficaram péssimas mas cumpri o item de número 2. O primeiro, de fotos, eu também já fiz, mas vem em outra postagem separada desta (a próxima, espero). Eis que esta postagem é sobre o item 3, livro favorito.


                A técnica é bem simples, de envelhecimento de papel; o que eu queria mesmo era dividir a história: Quando crianças meus amigos e eu tínhamos o hábito de fazer mapas do tesouro, cada mês uma pessoa diferente ficava responsável pela confecção do mapa e de esconder o tesouro em um local público (escola, praça, parque e afins). O que eu fiz foi adaptar uma brincadeira antiga para decoração. Utilizei a mesma técnica de envelhecer papel mas ao invés de desenhar mapas escrevi meu poema favorito do Bukowski; 


Você vai precisar de: 
café ou chá (eu usei café solúvel, mas você pode usar a borra do café "normal") 
um recipiente para colocar a mistura e acomodar o papel
 sóóóóó


                  NOTEM QUÊ: fiz em três tipos de papel diferente: um impresso (perdoem-me, na hora de secar pus as folhas no telhado e esta simplesmente voou por aí e se perdeu), evitem imprimir algo em papel e fazer isso pois a água vai manchar a impressão toda; folha sem pauta e uma com pauta. A folha de caderno foi a escolhida para escrever. Rasguei com cuidado as bordas e queimei para dar acabamento.





Espero que tenham gostado...
Xero

20 deram importância:

Bodas de couro - ou Bodas de trigo

12:47 @Tiabetok 17 Comentários

              
             

              Acordei com o barulho da chuva. Nem havia percebido que você novamente já tinha largado seu lençol e rolado para debaixo do meu; fazia tempo que eu não punha as meias que te roubei para dormir. Já é hora de trabalho e quero muito mesmo que você não vá! Isso: vamos brincar de domingo; se esconde nas cobertas, reclama mais um pouco, me puxa e me mata de rir com essa sua barba enorme e com aquela sua mania insuportável de me cutucar as costelas. Adia mais um pouco a realidade e para de cronometrar o tempo. Então tá. Tchau!
           Abri e fechei inúmeras vezes a geladeira em busca de pensamentos que deixo soltos por aí, catando em tuas roupas espalhadas pela casa recordações bobas e doces do início até aqui. Hoje fazem três anos que compartilhamos nossas vidas; que discutimos de quem é a obrigação de por o lixo para fora, e quem dorme de qual lado da cama. Três anos de possíveis histórias aleatórias que não fizemos questão de saber. 
        Ri um riso falho ao recordar dos transtornos. Me recompus rapidamente afirmando com autoridade que dificuldades qualquer casal passa e os mais fortes as contornam! Ora, já é tarde, há coisas a fazer e ainda tem o creme de chocolate que prometi para adoçar nossa tarde e me fazer brigar com você por ter derrubado doce na cama "como sempre" e sempre, pois o melhor de nós é arrumar um motivo para implicar com o outro.
             Leôncio coroa nosso dia com as almondegas suecas enquanto discutimos o porque de eu ter que lavar os seus bonés, e nessas horas você solta um "preta, escuta, é aquela música" pois toda música é aquela música quando alguém quer fugir de um assunto. Não vou lavar seu boné! E sobremesa é à mesa e não na cama! 
          Me perdi em meio tempo, foram horas do dia pensando em coisas para te dizer enquanto temperava o molho com lembranças, amor e saudade. Agora só consigo olhar teu rosto, nem presto atenção no que você está falando, teus olhos de menino travesso e tuas mãos que têm a forma mais linda que eu já vi. Meu presente é deitar no teu colo todos os dias e poder sentir teu coração responder ao meu, e ao fim dele nossos sorrisos se tocam na promessa de um amanhã feliz mais uma vez.

Que venham mais três!

O boné, o americano e a judia em: nosso filho não vai ter testa!


É como aquela canção
que entoávamos
ao entardecer
Era como em outros tempos 
em que riamos até amanhecer

Era eu, era você
eramos nós
a sós
sem voz
onde o corpo dizia tudo


As festas das bodas surgiu na Alemanha, onde era costume de pequenos povoados, oferecer uma coroa de prata aos casais que completassem 25 anos de casados, e outra de ouro aos que chegassem aos 50 anos de casados. Então, com o passar dos séculos, foram criadas outras simbologias para cada aniversário de casamento. Quanto mais tempo de casado, maior é a importância do material representativo, que vai do mais frágil ao mais valorizadoLista de Bodas AQUI

17 deram importância:

Carnaval, Ellen Roche, você e eu...

08:37 @Tiabetok 20 Comentários

           Hey babys, mais uma vez estou aqui pedindo desculpas pelo atraso; é eu sei, mas foi carnaval! Eu saí dele mas ele não saiu de mim...o império da ressaca contra ataca! Mas sim, o post de hoje é sobre carnaval e o bafafá que teve sobre a linda e corajosa da Ellen Roche desfilando seu corpão na avenida quebrando os padrões atuais de beleza desta geração que consome cada vez mais merdas midiáticas! Sorry!


          Ellen Roche já foi considerada uma das mulheres mais sexy do país, e agora por ter se tornado “mulherão” é acusada de não ter senso do ridículo por se expor de tal maneira; a gata sambou na cara da sociedade ao responder simplesmente “prefiro ser feliz que ser magra!” Palmas para a diva! Quantas dietas miraculosas e treinos de panicat foram vendidos ao longo do tempo para esse povo que se prepara somente para carnaval e férias (são o que chamamos de fit propaganda – trabalhei numa academia, isso é papo para depois), quantos suplementos foram consumidos desnecessariamente para acelerar resultados?! Quantas garotas não se estreparam como a miss Bumbum (lembram disso?) ou que estão falando mais grosso que meu marido e com mais bigode que meu irmão (bomba)?!  Tudo para se adequar a imagem da vez!
           No programa Hoje em Dia, que passa na Record (eu sei, ninguém deveria assistir a record!) um tal jornalista de celebridades mal amado sempre dava um jeito de criticar quem esteve na passarela: ou era magra demais, ou gorda demais, ou malhada demais, enfim, até chamar a musa pop do carna deste ano, Ellen, de GORDA, após ter dito que a mesma não deveria ter se exposto sabendo que as musas devem cuidar do corpo e blábláblá! WTF!!!! VEJA AS RESPOSTAS DELA AQUI
            O carnaval é uma festa popular! Quer dizer que eu não posso sair de shortinho porque minha Bunda é uma tábua? Ou não posso usar barriguinha de fora só porque sou gordinha? Não posso sair na frente do trio com uma fantasia sexy porque não sou a Juju Salimeni?! Abaixo a ditadura da magreza, da chapinha, do wey protein! Muito me surpreendeu o programa Hoje em Dia, que é voltado para o lar, dar uma declaração como esta: ao chamar Ellen Roche de gorda e dizer que a mesma tinha que se preocupar com a boa forma antes de sair por aí de musa, ele enclausurou a Dona Ana, a Tia Clara, Dona Beth, eu e você por não termos sido moldadas nessa forma maravilhosa e única verdade universal do momento!
Magrinhas, gordinhas, baixinhas, compridas...uni-vos! Com um grande F***-se a toda essa palhaçada!

Eis minha triste saga com a ditadura da beleza: quando eu era pequena nunca fui noivinha de festa junina porque sempre ela uma loirinha do olho azul! E eu sempre dancei melhor que todo mundo (não é falsa modéstia; eu realmente dançava/danço muito bem, aprendo muito rápido e montava coreografias);  na pré-adolescência, eu desenvolvi muito rápido pois praticava esporte, e todas as meninas mais magras e de pernas longas me chamavam de bumbum de elefante; quando estava no ensino médio pesava quase 70kg que não atrapalhavam no meu desenvolvimento em quadra, mas me renderam várias indagações por não fazer dieta! Eu era incrivelmente feliz com meu peso enquanto minhas “amigas” iam enfiar dedo na garganta para vomitar – uma delas foi levada de helicóptero p outra cidade porque engoliu uma escova de dente tentando vomitar- depois de ter passado boa parte da minha vida sendo uma “gordinha gostosa” por motivos de saúde –falta dela, na verdade – perdi aproximadamente 20kg e passei um ano ou mais surtada com minha aparência, pois tenho 170de altura, meio metro de pescoço e não consigo passar dos 53kg! Depois de um ano de drama, choro e terapia de marido consegui me aceitar. O corpo perfeito é o que eu tenho, é o que eu tive, é o que eu vou ter, independente do que a tv me diga, enquanto estiver saudável e feliz não precisarei fazer nenhum tipo de dieta por estética.

20 deram importância:

8 x 8 - SIMPLES

06:16 @Tiabetok 7 Comentários

hey xu's

Mais uma vez, atrasada. As coisas meio que estavam uma loucura, aí não deu tempo de viver, mas já me organizei e semana que vem volto a postar direitinho. JURO! O tema desse mês é SIMPLES, então escolhi coisas básicas do meu cotidiano que apesar de simples me fazem imensamente feliz. Como minha internet anda de tpm, tive que compactar as imagens para upar, então não esperem boa qualidade.


Ócio: tem gente que fica entediada, tem que passe o tempo inteiro na internet, eu, quando canso de ler começo a bagunçar a casa atrás de um estalo e então ploft: acabo fazendo alguma coisa. Ainda não entendi direito essa moda de abacaxi (risos) mas amei o quadrinho que fiz com recortes de revista.


Este foi um mimo recebido por uma leitora do blog, infelizmente eu não sei fazer maquiagem, mas as cores são tão bonitas e vibrantes que vou dar um jeito e aprender para usar no carnaval. Brigadinha Júlia. Ah, amei o batom, uso quase todo dia.

Meu dia a dia, diariamente, no meu diário (putz)


Para o meu desafio literário deste ano: Livro com mais de quinhentas páginas, Moby Dick, ainda não terminei Meu pé de Laranja Lima mas jája termino


Sobre as facilidades de ser criança, companheirismo, afeto e diversão, independente da idade. Meu amor mais lindo de todos os amores do mundo ganhou novamente...porque eu deixo, claro!


 Da simplicidade de estar confortavelmente no lar, sem roupas da moda ou cabelo arrumado, sem maquiagem e sem aderir uma postura de total confiança, onde os receios e os medos podem ser mostrados, onde o riso ecoa por todos os lados, onde ele te acha e te cuida. E assim se constroem... (to amando muito gente!!!)


Reaproveitando uma agenda Velhaaa encapando-a com tecido, porque a grana tá curta e eu uso em média 3 agendas por ano! Absurdo, eu sei!


Por fim, não menos importante, o tempinho que tiro para fazer um post carregado de simplicidade e carinhos para vocês.

Estes são os blogs das outras fofas que fazem o desafio 

Ah, tenho que responder as tags que me mandaram, 
então atrasei-as porque o desafio também já estava atrasado,
mas até o fim da semana respondo.

Então Babys é isso aí, nos vemos neste mesmo batcanal. Xêros

7 deram importância:

SORTEIO - Moedas para o Barqueiro

06:14 @Tiabetok 8 Comentários

          Hey Xu's. Queria pedir desculpas pela falta de atualização é que aconteceram coisas daquelas que só acontecem comigo e perdi postagem, sim, perdi uma postagem inteira! Não perguntem como!


Hoje trago para vocês o primeiro sorteio do blog (eêêêêêêêêêêê).  Mas, vamos falar primeiro do livro:

Sinopse: A morte chega e, com ela, paradoxalmente uma nova vida. Mas, para se chegar nessa nova existência, é preciso atravessar o rio que separa o mundo dos vivos do mundo dos mortos. Caronte é o barqueiro que faz essa travessia. Entretanto, exige incondicionalmente seu pagamento: duas moedas. Caso contrário, o desencarnado ficará preso entre duas terras. MOEDAS PARA O BARQUEIRO – VOLUME II traz novas histórias sobre a única certeza da vida. E um conselho: ande sempre com suas moedas. Você nunca sabe quando precisará delas.

          O Moedas Para o Barqueiro é uma compilação de contos ( 67 ao todo) selecionados por Cristina Gimenes. Se você tem pretensão de se aventurar como escritor, dê uma olhadinha no site da Editora Andross, vira e mexe no site eles estão coletando contos de diversos gêneros para compilações de obras futuros. No dia do resultado do sorteio postarei a resenha do livro.

Abaixo as regras:

* Estar seguindo publicamente o blog
* Preencher corretamente os campos abaixo (uma vez)
* Se estiver seguindo a página do blog no facebook poderá preencher mais uma vez
* Se estiver seguindo meu Intagram poderá preencher mais uma vez

OBS: Se o sorteado em questão tiver preenchido mais de uma vez e seu nome não constar como seguidor em mais de uma mídia, ele será desclassificado.
OBS²: o sorteio será realizado quando alcançarmos 400 seguidores no blog

O resultado será obtido pelo site Random




Boa sorte a todos

8 deram importância: